Heróis esquecidos

Aposto que agora estás curiosx para ver onde quero chegar. Deves estar a pensar “Vai-me dar dicas de como passar outro possível confinamento?” “Vai ser mais um daqueles artigos “chatos” a apelar-nos a cumprir as regras?” Bem… lê para descobrires

Desde o recomeço do novo ano letivo parece que as notícias não passam um dia sem pronunciar as palavras “confinamento”, “estado de calamidade”, “novo recorde de casos diários”,… e desde então parece que voltámos outra vez à mesma realidade de abril, onde todos os dias o tema de conversa era o “novo” corona vírus e o que fazer para combate-lo.

Desta vez, venho-vos falar dos heróis desta pandemia.

Já todos ouvimos falar dos profissionais de saúde, forças policiais, empregados de supermercados, entre outros, que se expõem e ficam na linha da frente todos os dias para assegurar a continuidade do mundo.

Mas é raro ouvirmos falar daqueles que, ao longo destes meses, optaram por ficar em casa ao invés de sair; que em vez de se juntar para um grande almoço de família com os tios, tias, avós, netos, primos, etc, juntaram-se pelo zoom e cada um em sua casa. Daqueles que antes não perdiam nem uma festa e agora ficam em casa o máximo possível.

Sim, estou a falar de nós. De todos aqueles que têm a oportunidade de escolha entre sair e ficar em casa e optam pela segunda. Daqueles que não estão na fila da frente do combate ao covid, mas que ajudam os que estão ao diminuírem o risco de infeção entre pessoas. De todas as pessoas que pensam que estão a viver um mau ano e a perder oportunidades de “viver a vida” mas que, se formos a ver bem, estão a salvar vidas.

Que a intenção desta semana seja por todos nós. Por todos aqueles que ficam em casa e nem se apercebem que estão a salvaguardar-se, não só a eles mesmos, mas aos outros também. Por aqueles que resistem à tentação de ir a “só uma festa” e optam por ficar em casa. Para que, mesmo com todas estas medidas preventivas, aproveitemos os momentos que a vida nos dá. 

Leonor Félix

artigo preparado por
Leonor Félix

Publicado por

Padre Diamantino Faustino

Pároco de Linda a Velha

2 opiniões sobre “Heróis esquecidos”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s