II CICLO DE MÚSICA DE ÓRGÃO DE LINDA-A-VELHA


Vai ter início, na Igreja Paroquial de Nossa Senhora do Cabo, o II Ciclo de Música de Orgão de Linda a Velha. O prgrama está orientado da seguinte forma:

Sábado, 14 de Janeiro de 2012 às 17:30 horas
Recital de órgão pelo organista Daniel Oliveira

Sábado, 11 de Fevereiro de 2012 às 17:30 horas
Recital de órgão pelo organista Élio Carneiro

Quarta-feira, 21 de Março de 2012 às 21:30 horas
Concerto de Aniversário de Johann Sebastian Bach (21 de Março de 1685)

Alunos da Classe de Órgão do Instituto Gregoriano de Lisboa
Coro de Câmara do Instituto Gregoriano de Lisboa
Armando Possante, direcção

Sábado, 21 de Abril de 2012 às 17:30
Recital de órgão pelo organista Nicolas Roger

O grande Órgão de Tubos existente na Igreja Paroquial de Nossa Senhora do Cabo, em Linda-a-Velha, é, neste momento, o instrumento mais versátil existente na grande área metropolitana de Lisboa. É um instrumento português, de grandes dimensões, que permite executar e ouvir todo o repertório de órgão, desde o séc. XVI ao séc. XXI. Ouvimos já excelentes interpretações de J. S. Bach e de toda a escola barroca alemã; música ibérica, italiana e norte-alemã dos séc. XVI e XVII; música barroca francesa; música romântica alemã e francesa e música contemporânea.
Com o objectivo de valorizar e dar a conhecer este precioso instrumento e incentivados pelo interesse que o I Ciclo de Música de Órgão despertou, apresentamos este ano uma segunda edição que conta sobretudo com a presença de jovens organistas. Daniel Oliveira e Élio Carneiro, que terminaram recentemente a sua licenciatura em Órgão na Escola Superior de Música de Lisboa, apresentarão programas bastante diversificados que porão em evidência a versatilidade atrás falada deste instrumento.
No dia 21 de Março, data do nascimento de J. S. Bach, teremos um concerto exclusivamente dedicado a este grande compositor onde, para além de peças de órgão, poderemos ouvir obras vocais deste grande mestre.
Finalmente, a fechar este ciclo, contamos com a presença do grande organista Nicolas Roger, parisiense que estudou com mestres como André Isoir e Michel Chapuis e desenvolveu uma intensa actividade concertística em França e em quase todos os países europeus, e que desempenhou funções de organista no Santuário de Fátima durante mais de uma década. Nicolas Roger vive actualmente em Arouca onde foi responsável pelo restauro do belíssimo instrumento do séc. XVIII aí existente e de que é o organista titular.

Publicado por

Padre Diamantino Faustino

Pároco de Linda a Velha

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s